COPA DO BRASIL

Vitória sem zerar o fôlego

Sem demonstrar cansaço, Tricolor passa pelo Imperatriz e terá pela frente o Flamengo na próxima quarta-feira

Com dois gols surgidos diretamente em cobranças de falta, um de pio e outro de jean mota, um em cada tempo, o fortaleza não encontrou grandes obstáculos para vencer o imperatriz/ma por 2 a 0, ontem, na arena castelão, pelo jogo de volta da primeira fase da Copa do Brasil.

Agora, o time leonino terá pela frente o flamengo, já na próxima quarta-feira, 4, na arena castelão, onde espera faturar uma boa arrecadação.

Antes disso, o time orientado pelo técnico marquinhos santos vai encarar o primeiro jogo da decisão do campeonato cearense, domingo, 1, às 16 horas, no pv, contra o uniclinic.

O tricolor encerrou a partida em boa condição física, visto que havia o receio de um desgaste maior dos jogadores, com vistas às próximas partidas.

Jogo aberto

Mesmo jogando por um simples 1x0 para se classificar, o fortaleza atuou aberto, tal e qual o adversário, para quem só a vitória interessava. O técnico marquinhos santos posicionou sua equipe com três zagueiros e apenas um atacante, anselmo.

Os seis jogadores da meia cancha flutuavam para procurar confundir a marcação do adversário. As presenças de dudu cearense, jean mota, everton, pio e felipe tornaram o tricolor um time de toque de bola até certo ponto envolvente.

Mesmo dominando o adversário, o leão somente chegou ao gol aos 28 minutos. Houve uma falta do lado esquerdo do ataque, e pio cobrou com maestria, embora a bola tenha passado perto do goleiro raphael.

À frente no placar, a equipe cearense reduziu suas investidas na área do adversário e passou a se fechar, para buscar os contra-ataques. Enquanto cavalo de aço assustou apenas em dois momentos, um na cabeçada de yerien, que passou por sobre a trave e outra com o mesmo atacante, que finalizou para fora, estando na diagonal da área, em direção ao gol de ricardo berna.

No segundo tempo, o fortaleza abusou de perder gols, principalmente com o atacante juninho, que havia entrado no lugar de dudu cearense.

Aos 17 minutos, em falta agora pelo lado direito do ataque, jean mota cobrou também com eficiência, ampliando para 2x0. Daí, foi só administrar até o fim.

Ficha técnica

Fortaleza 2

Ricardo Berna; Edimar, Lima e Max Oliveira; Pio, Felipe (Daniel Sobralense, Jean Mota (Corrêa),

Dudu Cearense (Juninho), Everton e Willian Simões; Anselmo

Técnico: Marquinhos Santos

Imperatriz 0

Raphael; Junior Tatu, Malcon, Clayton He-Man e Edson; Pio, Bruno (Otávio), Macleison (Éverton) e Rubens; Binho e Yerien (China)

Técnico: Sandow Fecques

Copa do Brasil 2016 - 1ª Fase

Estádio: Castelão, em Fortaleza (CE)

Data: 28 de abril de 2016

Árbitro: Gilberto Rodrigues Júnior (PE)

Assistentes: Kildenn Tadeu Morais (PB) e Márcio Lopes (PB)

Renda: R$ 35.538,00

Público: 6.299 pagantes

Gols: Pio (28/ 1ºT) e Jean Mota (17/2T)

Cartões Amarelos: Pio (FOR); Binho e China (IMP)

Olho no jogo

Eficiente

O volante Pio, jogando numa função diferente, de meia pela direita, abriu caminho para a vitória do Fortaleza, ao cobrar uma falta com precisão, no primeiro tempo. O versátil jogador havia marcado seu último gol pelo Leão nos 2x1 sobre o River/PI, ainda pela Copa do Nordeste, em março

Retorno

O volante Corrêa, que passou 56 dias fora dos gramados devido a uma fratura no antebraço, voltou a jogar ontem. O capitão tricolor entrou aos 25 minutos do segundo tempo no lugar do meia Jean Mota e foi ovacionado pelos torcedores presentes ao Castelão

Categoria 

O meia Jean Mota mais uma vez mostrou porque é titular absoluto do time tricolor. O camisa 11 do Fortaleza marcou um golaço, em cobrança de falta, no ângulo. Foi o segundo tento do meio-campista consecutivo. No último domingo, ele havia marcado ante o Guarany. (Diário do Nordeste)