NOCAUTE

Minotouro nocauteia americano em pé e leva Arena da Baixada abaixo

Primeira grande estrela do MMA brasileiro a entrar no octógono no card preliminar do UFC 198, em Curitiba, o veterano Rogério Minotouro teve uma atuação de gala e nocauteou o norte-americano Patrick Cummins em pé, levando a Arena da Baixada à loucura neste sábado, nos últimos segundos do primeiro round.

O irmão gêmeo mais leve do aposentado Rodrigo Minotauro, Rogério entrou como um jovem. Empurrado pelo público, fez dois minutos de estudo e partiu para cima. Quando conseguiu encurtar a distância, passou a acertar boas sequências, que balançaram Cummins.

O norte-americano já não conseguia mais se defender quando Minotouro partiu para os golpes finais. Ele começou a acertar cruzados de cima para baixo e Patrick não esboçava reação. Mesmo com Cummins em pé ainda, o juiz teve de encerrara luta e declarar o nocaute.

"Gostaria de agradecer todo mundo. Viemos muito forte para essa para essa luta, nossa equipe é composta por muitos profissionais. Eles me ajudam muito e a molecada nova me dá muita energia. Queria agradecer todos os alunos da Team Nogueira. Meu trabalho de wrestling deu muita confiança. Vim aqui para por meu jogo de boxe, que é superior ao dele", disse Rogério, ainda no octógono.

Lineker vence com facilidade

Em sua segunda luta como peso galo no UFC, depois de sofrer muito com a balança como peso mosca, John Lineker não teve problemas para vencer o norte-americano Rob Font por pontos, em decisão unânime dos juízes, com direito a 10-8 em dois rounds. O paranaense apostou no peso de suas mãos desde o começo, principalmente com golpe nas linhas de cintura. Dessa maneira, dominou a distância e o norte-americano.

Depois de um começo de luta muito complicado, quando chegou a levar dois knockdowns no primeiro round, o carismático Serginho Moraes conseguiu se recuperar no combate com o estreante no UFC Luan Chagas, de apenas 22 anos. Com isso, a luta acabou empatada, por pontos. Um juiz deu vitória para cada um deles (29-28) o terceiro acabou dando 28-28, confirmando a igualdade.

Luan, que tem apenas uma derrota na carreira e tinha vencido os outros 14 combates por nocaute ou finalização, veio para decidir logo. Na trocação aberta, conseguiu derrubar o finalista do TUF Brasil 1 com um chute na cabeça e depois com um direto.

O problema é que ter sido chamado para lutar apenas uma semana antes do evento começou a pesar para o jovem. O estreante sentiu muito o gás e caiu de produção. Moraes então aproveitou para impor seu jogo de chão e quase conseguiu uma finalização com uma guilhotina.

Moicano vence luta dura

Abrindo o card preliminar, com um bom público no estádio, o brasileiro Renato Moicano voltou depois de quase um ano e meio longe do UFC e fez uma luta muito dura contra o russo Zubaira Tukhugov. Em um duelo parelho e cheio de possibilidades, principalmente na trocação, o brasiliense venceu por pontos, em decisão dividida dos juízes, depois de ter sido derrotado no primeiro round. (UOL Esportes)

Todos os resultados

Card principal
Fabrício Werdum x Stipe Miocic
Ronaldo Jacaré x Vitor Belfort
Cris Cyborg x Leslie Smith
Maurício Shogun x Corey Anderson
Warlley Alves x Bryan Barberena

Card preliminar
Demian Maia x Matt Brown
Thiago Marreta x Nate Marquardt
John Lineker x Rob Font
Francisco Massaranduba x Yancy Medeiros
Rogério Minotouro nocauteou Patrick Cummins a 4min52 do 1º round
Serginho Moraes e Luan Chagas empataram por pontos
Renato Moicano venceu Zubaira Tukhugov por pontos, em decisão dividida dos juízes