BANCO CENTRAL

Economista-chefe do Itaú presidirá BC em eventual governo Temer, diz jornal

O economista-chefe do banco Itaú, Ilan Goldfajn, foi escolhido por Michel Temer para ser presidente do Banco Central em um eventual governo do vice. As informações são do jornal "Valor Econômico" e foram divulgadas nesta quarta-feira (11). Segundo o jornal, a indicação estava certa até surgirem conversas sobre o chefe do BC perder o status de ministro. Para resolver a questão, o provável futuro ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, teria proposto que o presidente do BC tenha foro privilegiado. (UOL / com Valor)