CINEMA BRASILEIRO

Filme de animação brasileiro "Bob Cuspe" pode concorrer ao Oscar

O longa-metragem "Bob Cuspe - Nós Não Gostamos de Gente" é um dos elegíveis ao Oscar, de acordo com a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas

Divulgação
'Bob Cuspe - Nós Não Gostamos de Gente' pode concorrer ao Oscar 2022

O filme de animação brasileiro “Bob Cuspe - Nós Não Gostamos de Gente”, dirigido por Cesar Cabral, pode concorrer ao Oscar 2022. O longa-metragem é uma das produções elegíveis para a categoria de “Melhor Animação”, de acordo com a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, a organizadora da premiação.

A obra participa da seleção ao lado de 25 títulos provenientes de vários países, como Estados Unidos, República Tcheca, Japão, China e Dinamarca. Os indicados devem ser anunciados em fevereiro do próximo ano. A cerimônia está marcada para acontecer no dia 27 de março.

O filme, que é uma animação stop motion, mistura elementos da comédia, do documentário e do road-movie. Uma adaptação do famoso personagem do cartunista Angeli, a história mostra um velho punk que tenta escapar de um deserto pós-apocalíptico. O lugar é, na verdade, um purgatório dentro da mente de seu criador em crise criativa.

O enredo ainda evidencia o processo de criação do artista, que começa a revisitar seu passado em busca de inspirações. As vozes do elenco são de Milhem Cortaz, Paulo Miklos, André Abujamra, Grace Gianoukas e Laerte.

“Bob Cuspe - Nós Não Gostamos de Gente” já estreou nas salas de cinema do Brasil e chegará aos Estados Unidos pela distribuidora Outsider Pictures. Segundo o portal Variety, haverá uma campanha de marketing para o longa concorrer entre os finalistas do Oscar. Confira o vídeo na TV XERETA. (O Povo - é parceiro de oxereta.com)